Enquanto a maioria das pequenas indústrias e comércio de Santa Helena estão tecnicamente falidos, pela crise econômica e, especialmente, pela extrema concorrência dos grandes conglomerados e suas ramificações e tráfico de influências, mesmo assim, verifica-se que o Município continua a privilegiar os grandes, exemplo disso a aprovação e publicação em tempo recorde de uma nova Lei nº 2.768/19, concedendo mais R$ 2.806.017,50 ao conglomerado Lar em horas máquinas para escavações em uma área de mais de 5,2 milhões de m2, a qual atua em todos os setores, enquanto dezenas de pequenas indústrias, além de não ter os mesmo incentivos, também sofrem a falta de legalização de suas concessões há mais de uma década, demonstrando assim, que que tem poder econômico e influência pode tudo.

Deixe uma resposta